InícioFAQBuscarMembrosGruposRegistrar-seConectar-se

Compartilhe | 
 

 [Discussão] Exposição de informações na internet

Ir em baixo 
AutorMensagem
Gimena
Professor
Professor
avatar

Mensagens : 63
Data de inscrição : 29/12/2013
Idade : 31
Localização : Mantena-MG

MensagemAssunto: [Discussão] Exposição de informações na internet   Sab Abr 12, 2014 8:15 pm

Vimos como a exposição de dados e imagens na internet, sem cuidado, pode ser extremamente perigoso.

Pessoas mal intencionadas podem se aproveitar destes dados lançados e os utilizar de diversas maneiras.

O Fantástico apresentou a facilidade de acesso das informações pela rede. 
Informações que o próprio usuário divulga em suas redes sociais.

Veja o vídeo:



  • Agora, faça uma breve pesquisa e busque casos onde pessoas sofreram ameaças, fraudes ou obteve algum dano por material disponível na rede mundial de computadores. 



  • Comente os casos publicados pelos seus colegas apontando o que a pessoa poderia ter evitado divulgar ou como proceder naquele caso ou relacione novos vídeos para complementar a discussão.


A atividade/participação será avaliada nas disciplinas de Sociedade da Informação e Segurança na rede. Participe!

_________________
Voltar ao Topo Ir em baixo
http://nucleodetizps.forumeiros.com
Thiago DH
Junior
Junior


Mensagens : 4
Data de inscrição : 31/03/2014

MensagemAssunto: trabalho de ti    Ter Abr 22, 2014 3:03 pm

Sala: 12
Ano: 2ª
Mãe diz que filho de 8 anos sofreu preconceito racial em escola do DF
Colega de turma chamou o menino de 'preto, sujo, feio e fedido', afirma.
Escola diz reprovar atitude; caso vai ser levado para Conselho Tutelar.

Um garoto de 8 anos foi ofendido por uma colega de sala por ser negro, segundo denúncia registrada na polícia pela mãe nesta quarta-feira (27) no Distrito Federal. De acordo com ela, o caso ocorreu antes do carnaval no colégio La Salle do Núcleo Bandeirante e foi relatado pela professora da turma. A instituição afirmou ao G1 não aceitar atitudes preconceituosas.
Texto sobre preconceito racial postado pela mãe em rede social (Foto: Facebook/Reprodução)
“Ela disse que viu uma coleginha dizendo para ele que ele nunca vai eu fiz nas regras da norma abnt ta aki !
Voltar ao Topo Ir em baixo
caio emanoel
Junior
Junior
avatar

Mensagens : 5
Data de inscrição : 18/03/2014

MensagemAssunto: Re: [Discussão] Exposição de informações na internet   Qua Abr 23, 2014 9:44 am

Aluno: Caio Emanoel Correa Gomes Sala: 12

Uma adolescente de 13 anos foi vítima de bullying e agressão por uma colega de escola, na cidade de Guarujá, litoral de São Paulo.

As intimidações começaram na internet e, segundo a jovem, tinham até apelo sexual. Ao tomarem conhecimento do bullying virtual, outros estudantes da escola disseram que a agressora já havia batido em uma aluna por causa de um pirulito e que poderia bater na jovem por motivo muito menor.

A família registrou as agressões virtuais à adolescente no cartório, em um ato notarial, e também fez um boletim de ocorrência. Entretanto, as intimidações pela internet continuaram. Nas novas ameaças, a agressora chamava a jovem de covarde por ter recorrido à polícia.

Leia mais notícias de Educação

Na escola, o bullying passou para agressão física. Na saída do colégio, a garota foi puxada pelo cabelo e deixou o celular cair no chão. Quando se abaixou para pegar, começou a levar socos nas costas e só parou de ser agredida quando o porteiro chegou para separar a briga.

A estudante foi levada para o IML (Instituto Médico Legal) para fazer um exame de corpo de delito e a família fez outro boletim de ocorrência.

A partir deste episódio, a jovem ficou com medo de voltar às aulas, pois, mesmo depois da agressão, continuou sendo ameaçada.

O diretor do colégio, ao ficar sabendo da situação, suspendeu a agressora por um dia, porém, deixou claro que a situação começou fora da escola e que não havia como a coordenação se responsabilizar pelo comportamento das estudantes na internet.

As duas meninas estão passando por acompanhamento psicológico.
Voltar ao Topo Ir em baixo
AmandaPaz
Junior
Junior
avatar

Mensagens : 7
Data de inscrição : 13/03/2014
Idade : 20
Localização : Mantena-MG

MensagemAssunto: Re: [Discussão] Exposição de informações na internet   Qua Abr 23, 2014 6:09 pm

Rapaz descobre traição de sua namorada com professor, muda a senha da garota no Facebook e posta a conversa em público  Leia mais em: http://www.techmestre.com/rapaz-descobre-traicao-de-sua-namorada-com-professor-muda-a-senha-da-garota-no-facebook-e-posta-a-conversa-em-publico.html#ixzz2zjZ0n6cS[/url]

Neste caso a garota combinou de sair com o seu professor de faculdade pelo chat  do facebook;o namorado postou a conversa na linha do tempo dela,expondo-a e a fazendo ficar "famosa" na internet.

Como evitar a exposição neste caso?Não traindo o namorado,ou simplesmente não dando a senha do teu face pra ele...
Voltar ao Topo Ir em baixo
Juliano Oliveira
Junior
Junior
avatar

Mensagens : 9
Data de inscrição : 12/03/2014
Localização : Mantena- MG

MensagemAssunto: Re: [Discussão] Exposição de informações na internet   Qua Abr 23, 2014 9:35 pm

“Uma comerciante no ramo de papelaria, de 37 anos, vem enfrentando sério problema com a empresa que comercializa material de consumo para papelarias”.
Ela efetuou uma compra no valor de R$ 3.341,00 em papel sulfite A-4, dia 27 de março deste ano. “Fiz a cotação de preço em vários sites e, vi que essa empresa estava com o preço mais em conta. Era grande a diferença de valor, então fechei o negócio. Falei várias vezes com o vendedor, via e-mail e telefone fixo. O pagamento foi efetuado por boleto bancário. Apesar da data limite de entrega ser de 10 dias, o vendedor me garantiu que tudo seria entregue pelo caminhão da própria empresa até dia 1° de abril. Como nada chegou, dia 3 voltei a falar com o mesmo rapaz, que se dizia funcionário, mas assim que passei o número do pedido, a ligação caiu e nunca mais consegui manter contato. Então percebi estar sendo vítima de golpe”, revela a comerciante...”
Mais em http://www.jptl.com.br/?pag=ver_noticia&id=67051
Esse caso esta sendo cada vez mais comum na internet onde pessoas efetuam compras pela internet e não recebem no prazo de entrega estimulado pela empresa, assim como no caso da comerciante acontece também com pessoas que compram o produto pra seu próprio uso em casa como eletrodomésticos, moveis e outros. É comum também aparelhos eletrônicos virem quebrados, por isso é importante a atenção do consumidor, saber bem em qual site esta comprando, se e um site confiável ou não e pesquisar sobre as opiniões do site feitas por outros compradores. Se isto não for feito você poderá ser mais uma vitima de um golpe pela internet.
Voltar ao Topo Ir em baixo
Lucas Alves
Junior
Junior
avatar

Mensagens : 8
Data de inscrição : 17/03/2014
Idade : 20
Localização : Mantena

MensagemAssunto: trabalho de T.I   Qui Abr 24, 2014 12:11 am

É bom tomar cuidado antes de armazenar informações confidenciais online, pois nem mesmo empresas grandes e de segurança escapam dos crackers.

PlayStation Network: 77 milhões de pessoas sem acesso
Em abril de 2011, jogadores do mundo todo quase tiveram um ataque de nervos ao saber que a PlayStation Network — serviço da Sony que fornece conteúdo digital e partidas multiplayer — estava fora do ar. Porém, a frustração se transformou em empolgação quando grupos de hackativismo assumiram a autoria do ataque que levou a rede a ficar offline.
A operação foi motivada pelo processo que a Sony moveu contra o jovem George Hotz (Geohot), responsável pelo desbloqueio do Playstation 3. Na ocasião, 77 milhões de pessoas ficaram sem acesso ao serviço da empresa. Além disso, os dados de mais de 24 milhões de contas foram roubados, contendo informações valiosas e que não estavam protegidas por criptografia, como números de cartões
O que eles podiam ter feito: os jogadores de veriam estar protegidos por criptografia, pois pois todo mundo sabe hoje em dia que a internet não está segura então deve se usar toda a segurança disponível para  seu alcance e não vacilar para não ser pego de surpresa
http://www.tecmundo.com.br/seguranca/26476-os-9-maiores-roubos-de-dados-da-internet.htm#ixzz2yz1eO7wb

Banco indenizará advogado que teve sua conta invadida
Levi de Almeida Siqueira, que teve sua conta bancária invadida por um hacker, o que resultou em prejuízo de R$ 8.626,31. O correntista receberá, além do ressarcimento desse valor, reparação de R$ 5.800 pelos danos morais. A decisão da 17ª Câmara Cível do TJ-MG manteve sentença de primeiro grau.
Segundo o relato do advogado Levi, 42 anos, em agosto de 2008, ao descobrir que sua conta tinha sido violada, ele contatou o gerente, mas foi informado que o banco nada poderia fazer. Tentando resolver o problema, o advogado notificou a agência e registrou ocorrência policial, descrevendo o acontecido. Apesar dessas medidas, o banco nada fez.
O correntista, que mora em Araguari, no Triângulo Mineiro, alegou que, por causa dos saques indevidos, passou por dificuldades financeiras. Ele afirma que experimentou constrangimento e dissabor por não ter condições de efetuar seus pagamentos. Para saldar os compromissos mais urgentes, tive de utilizar o cheque especial do Banco Real, com juros de 10% ao mês, e buscar empréstimos particulares, narrou.
O Bradesco refutou as acusações afirmando que a responsabilidade pelos lançamentos é única e exclusivamente sua, já que o autor possibilitou que terceiros tivessem acesso à sua senha de uso pessoal e intransferível. De acordo com a instituição financeira, o Internet home banking exige o fornecimento de informações que só o titular possui. São, no mínimo, três senhas, sendo que uma delas é uma frase secreta com pelo menos 14 caracteres e, para algumas operações, é necessária uma chave eletrônica, esclareceu, assegurando que o sistema de segurança do Bradesco é infalível.
Em setembro de 2009, a juíza da 3ª Vara Cível de Araguari, Aldina de Carvalho Soares, entendeu que não se podia atribuir a culpa total pelo dano à vítima. Quando admitiu que as transações foram autorizadas por meio de um programa utilizado por fraudadores, o banco indicou que o seu serviço de internet banking não tem a segurança necessária e é vulnerável, sentenciou.
Por falta de provas comprovando os empréstimos e o uso do cheque especial, a magistrada julgou o pedido do advogado Levi parcialmente procedente: ela concedeu ao advogado a restituição do dinheiro sacado pelo estelionatário, R$ 8.626,31, e indenização de R$ 5.800 pelos danos morais.
O banco recorreu, alegando que o usuário desconsiderou as recomendações do banco de proteger suas informações pessoais, como senhas e chaves de acesso. Os golpes praticados pela Internet geralmente contam com a colaboração dos titulares, que repassam dados sigilosos a terceiros, argumentou.
A 17ª Câmara Cível do TJ-MG, contudo, manteve a sentença, por entender que o dano moral e a negligência do banco ficaram provados. O abalo moral decorre simplesmente da dor íntima, da angústia, do abalo psicológico do apelado ao ver sua privacidade devassada e o seu sigilo bancário violado, ponderou o relator, desembargador Eduardo Marine da Cunha.
Segundo o julgado, houve negligência da instituição bancária, que não ofereceu a devida segurança aos seus clientes, permitindo os atos fraudulentos.
A advogada Alessandra Jordão de Carvalho atua em nome de seu colega autor da ação. (Proc. nº 1338614-61.2008.8.13.0035 - com informações do TJ-MG e da redação do Espaço Vital).
E ai vai fazer o que? Devemos ver onde estamos colocando  o nosso dinheiro pesquisando o histórico de invasões ao banco ou  o segurança usada pelo banco pra ver se ela tem um bom histórico
Voltar ao Topo Ir em baixo
jefersonf71
Junior
Junior
avatar

Mensagens : 5
Data de inscrição : 21/03/2014
Idade : 20
Localização : Mantena Minas Gerais

MensagemAssunto: jeferson ferreira modesto   Qui Abr 24, 2014 10:06 pm

trab

________________________________

Professora: Abaixo segue o material do trabalho anexado para os demais alunos.

Citação :
No dia 4 de maio, a atriz Carolina Dieckmann teve 36 fotos íntimas vazadas em um site pornográfico. As imagens estavam no laptop da artista. A Polícia Civil aponta cinco suspeitos envolvidos no crime, um deles menor de idade. De acordo com investigações, o mineiro morador de Córrego Danta Leonan Santos seria o responsável por enviar ao e-mail da atriz um malware (programa malicioso) como se fosse de seu provedor de internet, ironicamente oferecendo mais segurança no acesso a mensagens eletrônicas. Ao clicar em OK, Carolina acabou repassando os dados de seu computador, cerca de 60 arquivos, entre eles a foto. O mineiro, que nega a autoria do crime, teria passado o conteúdo para quatro pessoas, inclusive o dono do site que publicou as fotos.

Não só os famosos, mas todo estou exposto e podemos ser o próximo alvo de um hacker. “Hoje, estamos nos adaptando à cultura do armazenamento de documentos e mídia no formato digital. Há uma década, fotos e documentos importantes eram guardados a sete chaves. Em muitos casos, fotos sensuais nem eram registradas por máquinas fotográficas, pois, de qualquer forma, elas teriam de passar por mãos de terceiros para serem reveladas”, ressalta o professor do curso de segurança da informação da Universidade Cidade de São Paulo (Unicid), Rodolfo Avelino.

Executar ou clicar em links recebidos por e-mail, como fez a atriz, é meio caminho andado para uma invasão indesejada de seu computador. “Salvo nos casos em que você tenha certeza de que a origem do e-mail e o destino do link são confiáveis”, diz Avelino. Não instalar programas desconhecidos, antes de fazer uma breve pesquisa sobre os mesmos é outra sugestão do professor. Manter o sistema atualizado por meio de correções fornecidas pelo fabricante, principalmente em sistemas Microsoft, é boa idéia para evitar possível invasão de hackers. (Leia outras dicas no quadro)

Quantidade
Durante duas semanas a Bitdefender recolheu mais de 2 milhões de amostras de spams de diferentes regiões. O estudo mostra que a cada segundo 2 milhões de spams se espalham pela internet. Por dia, são 264 milhões de mensagens desse tipo, aproximadamente 90% do total de tráfego de correio eletrônico por meio da internet.

Como se proteger
Arquivos seguros
Mantenha arquivos pessoais em aplicativos (softwares) que criptografam dados eletrônicos de forma amigável. Um exemplo é o Truecrypt (http://www.truecrypt.org/downloads), que permite que arquivos sejam armazenados em um diretório criptografado do computador e apenas as pessoas que possuem a senha dele tenham acesso ao conteúdo.

Prevenção de problemas
Faça periodicamente uma cópia de segurança dos dados. “Só conseguimos obter um nível de segurança de acesso não autorizado caso os dados estejam criptografados”, alerta o professor Rodolfo Avelino. Escolha uma assistência técnica de confiança, principalmente se o computador contiver elementos sensíveis, como declaração de Imposto de Renda, fotos íntimas, informações bancárias, entre outros.

Proteção em dispositivos móveis
Transfira para o desktop da residência arquivos íntimos armazenados em smartphones, notebooks ou tablets e apague-os dali. Serviços como o bluetooth só podem ser habilitados quando forem utilizados e a conexão à internet deve ser feita apenas em redes conhecidas. Habilite os recursos de senhas – a mais complexa possível – e instale apenas aplicativos


Anexos
UM CASO.docx
Você não tem permissão para fazer download dos arquivos anexados.
(13 Kb) Baixado 2 vez(es)


Última edição por Gimena em Sex Abr 25, 2014 2:23 am, editado 1 vez(es) (Razão : Apresentação do anexo para os demais alunos)
Voltar ao Topo Ir em baixo
geysiane
Junior
Junior


Mensagens : 6
Data de inscrição : 24/03/2014
Idade : 19

MensagemAssunto: Mulher diz que ex-namorado postou fotos íntimas tiradas sem autorização Antes de terminar namoro, vítima alega que foi fotografada dormindo nua   Sab Abr 26, 2014 10:45 pm

Turma: 2ºano 12
Aluna: Geysiane Gomes


Mulher diz que ex-namorado postou fotos íntimas tiradas sem autorização
Antes de terminar namoro, vítima alega que foi fotografada dormindo nua.
Mulher de 29 anos descobriu no dia 4 que imagens foram parar na internet.

Uma moradora de Ipuã (SP) alega ter sido vítima de um constrangimento causado pelo ex-namorado depois que foram parar na internet fotos em que ela aparece dormindo nua em um quarto de motel. A mulher de 29 anos registrou boletim de ocorrência na Polícia Militar por violação à imagem na última sexta-feira (4), quando soube da divulgação das imagens por meio de um aplicativo de telefone celular. Um boletim na Polícia Civil, segundo ela, será registrado nesta quinta-feira (10).
A vítima, que prefere não ser identificada, afirma que, antes de ver as imagens na internet, chegou a ser ameaçada pelo ex-namorado sobre a exposição do material, mas que, na última sexta-feira (4), acabou descobrindo, pela irmã, que as fotos já estavam online. “Até o momento eu não tinha certeza que essas fotos existiam, mas já tinham sido usadas. A pessoa falava que tinha as fotos, mas até então não havia me mostrado”, disse.
saiba mais
Prisão de suspeito de tráfico termina em confusão entre PM e moradores
Polícia apura morte de mototaxista que aparece em vídeo sendo agredido
Ela alega que desde a divulgação teve acesso a pelo menos quatro fotos em que aparece nua e dormindo. “Essas fotos foram tiradas enquanto eu estava dormindo, eu não tinha ciência dessas fotos. Elas mostram nitidamente que eu não estava consciente.”
Desde que sua intimidade foi exposta, a mulher tem evitado as ruas da cidade de 14 mil habitantes para não ser ainda mais constrangida. Ela afirma se sentir envergonhada inclusive com parentes e vizinhos. “Apesar de trabalhar em um lugar bastante movimentado, eu não saio de casa. O pouco que saio sou vista de modo diferente na rua, o pessoal comenta, faz murmurinho. É constrangedor. Nunca passei por isso antes e nunca imaginava passar por isso com a idade que estou”, relata.
A moradora diz já ter acionado uma advogada para levar a questão para a Justiça e mover uma ação por danos morais. “Ele precisa pagar, porque fui ridicularizada diante da sociedade. Só espero que ele pague.”
De acordo com o delegado titular da Polícia Civil em Ipuã, Márcio Barbosa Macedo, o caso inicialmente tratado como difamação será encaminhado ao Juizado Especial Cível e Criminal logo após o registro da ocorrência na delegacia.
Voltar ao Topo Ir em baixo
Conteúdo patrocinado




MensagemAssunto: Re: [Discussão] Exposição de informações na internet   

Voltar ao Topo Ir em baixo
 
[Discussão] Exposição de informações na internet
Voltar ao Topo 
Página 1 de 1
 Tópicos similares
-
» Maquiagem- dicas de produtos, tutoriais e informações
» G-Gelatina da capicilin ,alguém tem informações sobre ele?
» Operadora Celestial
» BU808DFI E DFX-INFORMAÇÃO SOBRE SUBSTIUIÇÃO.
» Multimetro AF 105

Permissão deste fórum:Você não pode responder aos tópicos neste fórum
Núcleo de TI - ZPS :: 2º Ano :: 2º 12 (manhã)-
Ir para: